23 de mai de 2013

Nas ruas de NY...


Olá ^.^
Estou há um bom tempo sem postar nada de verdade, mas tenho uma boa justificativa. Estou gripada há uma semana, das piores e não posso correr o risco de ir parar no hospital de novo... Enfim, esse final de semana assisti dois filmes, e gostaria de fazer minha típica "crítica e sipnose própria".

Para começo de conversa, não são filmes recentes (o primeiro, Bonequinha de Luxo é de 1961 e o segundo, Comer Rezar Amar é de 2010), muito menos estilo "está em cartaz". Então é uma opção de filme que custa menos, se for olhar pelo fato de que pode assistir quando quiser. Então, vamos lá?
Bonequinha de Luxo é o primeiro filme. É de 1961, um clássico, basicamente. E como um clássico tem direito, tem o estilo cinematográfico do estilo que não se faz hoje em dia, um protagonista lembrado para sempre (Audrey Hepburn nesse filme, Chaplin em Tempos Modernos, Marilyn Monroe em O Pecado Mora ao Lado, Judy Garland em O Mágico de Oz e etc.), e é claro, um roteiro inesquecível. No começo eu assisti apenas para saber se o filme realmente merecia a fama que lhe foi aclamada até hoje, transformando Hepburn em um ícone do cinema. Mas descobri que é mais que isso, o filme é engraçado, tem drama, é romântico, envolvente e ao mesmo tempo tem algo a mais, algo especial dos filmes da época. O filme conta a história de Holly, uma mulher "boneca" que vive em Nova York, começando do momento em que seu novo vizinho, Paul Varjak, bate à sua porta. Ele é puxado para a vida excêntrica e fora do comum de Holly, que fugiu da casa de seu marido (cujo casamento com ela foi anulado) e procura um marido rico para se casar, e assim poder sustentar seu irmão Fred que foi levado para o exército. Uma história linda e emocionante é garantida, além de muitas risadas.
Comer Rezar Amar é um filme sem palavras. Você acha que ele é maluco e quando descobre que é baseado num livro de memórias, fica tipo "Como isso aconteceu de verdade? Oi?", pelo menos eu acho. Não é um filme simplesmente explicável, ele é bem divertido e muito real. É um filme que não posso explicar com nenhuma palavra, na verdade. Mas é bem divertido e vale a pena. Protagonizado por Julia Roberts (Espelho Espelho Meu, Uma Linda Mulher)

Espero que tenham gostado,
XOX

2 comentários:

  1. Eu nunca ouvi falar de nenhum dos dois,mas vou ver se assisto.

    Quer ser afiliada ?

    sweetie-caramel.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, vou colocar na elite :3 Assista sim, são ótimos ^.^
      beijos

      Excluir

Pão com manteiga é bom
Passou cinco minutos lendo a postagem, pode levar menos de um minuto comentando? Estimula a gente, né?
Comente algo da postagem, por favor, e sim, sigo de volta, se for educado e comentar sobre a postagem. Peço também que sempre seja educado ^.^ Pode criticar, falar o que quiser, quero saber a opinião de vocês. Ah, deixe seu link no final do post para que eu retribua a visita ^3^ Leio todos os comentários, por isso passam por aprovação.
Beijos